...num sonho infinito...

Uma duquesa, até mesmo uma princesa.

segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Cantiga da Babá

Eu queria pentear o menino
como os anjinhos de caracóis.
Mas ele quer cortar o cabelo,
porque é pescador e precisa de anzóis.

Eu queria calçar o menino
com umas botinhas de cetim.
Mas ele diz que agora é sapinho
e mora nas águas do jardim.

Eu queria dar ao menino
umas asinhas de arame e algodão.
Mas ele diz que não pode ser anjo,
pois todos já sabem que ele é índio e leão.
.
(Este menino está sempre brincando,dizendo-me coisas assim.
Mas eu bem sei que ele é um anjo escondido,um anjo que troça de mim.)

Cecília Meireles

1 comentário:

Paula disse...

É tão fofo este poema. E eu que não conhecia Cecília Meireles... como é que é possível, não é?

Um beijinho de anjinho...

 
Designed by Susana Lopes